Tudo que você precisa saber sobre o protetor solar

            Todo mundo sabe que é importantíssimo utilizar filtro solar, mas você entende o porquê e a importância de proteger a sua pele? O Brasil tem um alto nível de radiação durante o ano todo, por isso é essencial saber se cuidar. Quando falamos em pegar Sol, não significa apenas ir se bronzear na praia. Qualquer saída diária sem protetor solar também conta como uma exposição prejudicial. Juntamos todas as informações que você precisa para estar totalmente informado e protegido!

            É importante lembrar que o Sol não traz apenas prejuízos para as pessoas, os raios solares são indispensáveis para a formação de vitamina D do nosso corpo – essencial para o tecido ósseo e grande influenciadora da imunidade. Porém, para a produção necessária dessa vitamina, bastam poucos minutos de exposição solar por dia. Por isso, os efeitos nocivos do Sol são mais alarmantes: vermelhidão, queimaduras de vários níveis e envelhecimento precoce – pois consegue atingir as fibras de colágeno que sustentam nossa pele. Além de todos esses problemas, o risco mais grave que os raios solares podem trazer é o câncer de pele. O melanoma é o tipo mais grave de câncer no tecido ósseo, fique atento à pintas, caso mudem de formato e tamanho e à feridas, caso elas demorem muito para cicatrizar. Procure sempre um dermatologista!

            A boa notícia é que a prevenção desses problemas é super simples: nosso velho amigo protetor solar. O filtro ajuda a combater o câncer de pele, evita insolação, queimaduras, manchas e o envelhecimento precoce. Mas para aproveitar de toda a sua proteção, precisamos entender e saber usar corretamente os filtros solares. O primeiro passo é conhecer bem seu tipo de pele, é recomendado que você converse sobre isso com o seu dermatologista. Quem possui pele oleosa, por exemplo, deve usar um protetor oil-free ou toque seco. Caso você tenha a pele seca, é indicado o uso de um produto com hidratante. Outra dica é utilizar maquiagens que já possuem filtro UVA e UVB, que acabam sendo bem práticas.

            Mas afinal, qual a diferença entre os raios solares? Saiba como cada um deles afeta sua pele:

  • UVA: os raios penetram nas camadas mais profundas da pele e por isso causam tantas queimaduras. Porém, a irradiação UVA é a que mais causa câncer de pele e envelhecimento precoce. Atinge a camada subcutânea da pele.
  • UVB: provoca vermelhidão e queimaduras e também pode causar o câncer de pele. Esse tipo de irradiação atinge a derme.
  • Infravermelha: não é prejudicial para a pele. Os únicos problemas que podem nos causar são o ressecamento e a desidratação, pois ele é responsável pelo calor emanado pelo Sol. Os raios infravermelhos atingem a epiderme.

            O UVB é mais forte no verão, porém o UVA incide durante todo o ano e ao longo do dia, podendo passar despercebido. O filtro solar pode conter diversas outras substâncias, mas os fatores mais importantes são os filtros UVB e UVA, que irão proteger você manchas, rugas e até mesmo do câncer.

            Outra coisa importante que poucos conhecem, é como funciona o FPS (Filtro de Proteção Solar) de cada produto. Diferente do que muitos pensam, ele não está relacionado ao poder de proteção e sim ao tempo que a pele ficará protegida. O número do FPS significa por quanto tempo a mais que o normal sua pele ficará protegida. Por exemplo, se sua pele fica vermelha após 10 minutos no sol, ao passar um filtro com FPS 20, sua pele ficará protegida por 20 vezes mais tempo, ou seja, 200 minutos (10 minutos x FPS 20).

            Para finalizar, separamos algumas dicas para você aplicar seu protetor da maneira correta:

  • Use filtro solar todos os dias;
  • Não adianta passar apenas no rosto, foque também nas áreas mais expostas como nuca, orelhas, mãos e braços;
  • Vá para o Sol, no mínimo, 20 minutos depois de aplicar filtro solar;
  • Escolha filtros solares que protejam contra ambos os raios, UVA e UVB.
  • Passe protetor solar mesmo se for ficar embaixo do guarda-sol, o seu material não consegue reter todos os raios incidentes;
  • O protetor deve ser usado em todas as estações e não só no verão. Além disso, deve ser utilizado em dias chuvosos, nublados ou ensolarados. E claro, em qualquer lugar! Isso inclui praia e piscina mas também o uso para se proteger do Sol na rua e até das luzes ambiente no seu local de trabalho;
  • Reaplique o produto de duas em duas horas;
  • Reaplique o produto depois de tomar banho – seja de mar, piscina ou chuveiro. Mesmo em produtos à prova d’água, o contato com ela pode reduzir o tempo de proteção;
  • Evitar ficar no sol entre 10h e 16h, é nesse horário que a irradiação solar causa mais danos a pele.

            Nós da Extratos da Terra sabemos da importância de se proteger dos raios solares e, por isso, desenvolvemos uma linha completa de fotoprotetores que acabou de ser lançada! Conheça o Dermosoft Protect Fotoprotetor Facial, disponível nas opções de FPS 20, 30, 45 e 50. Indicamos também nossa Base Protetora Facial que possui FPS 33, para você se sentir linda e protegida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *