Junte-se ao Outubro Rosa

No início desse mês nosso post não poderia ter outro assunto: Outubro Rosa. O movimento é comemorado no mundo todo e usa a data para voltar todas as atenções para a prevenção do câncer de mama. Em um momento tão importante para a saúde da mulher, juntamos algumas informações e dicas super importantes para ficarmos atentas à causa!

Para entender melhor: o câncer é uma doença na qual as células crescem rápida e desordenadamente, invadindo os tecidos e órgãos e podendo espalhar-se para outras partes do corpo. O câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres e o que mais causa a morte de brasileiras, segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer). De acordo com uma pesquisa realizada pelo INCA, a previsão é que, em 2016, surjam 300.870 mil novos casos de câncer em mulheres brasileiras. Desses, 57.960 serão de mama.

Segundo o INCA, os principais sintomas da doença são:

  •         Nódulo fixo, endurecido e, geralmente, indolor;
  •         Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja;
  •         Alterações no mamilo;
  •         Pequenos nódulos nas axilas ou no pescoço;
  •         Saída espontânea de líquido dos mamilos;

O tumor maligno na mama é raro antes dos 35 anos, cerca de quatro em cada cinco casos ocorrem somente após os 50 anos. É importante lembrar também que a maioria dos nódulos detectados na mama é benigna, mas para isso ser confirmado é preciso fazer exames médicos.

O câncer de mama não tem uma única causa. Seu desenvolvimento acontece devido a uma série de fatores de risco, como:

  •         Sedentarismo;
  •         Obesidade;
  •         Consumo de bebida alcoólica;
  •         Primeira menstruação antes de 12 anos;
  •         Não ter tido filhos;
  •         Primeira gravidez após os 30 anos;
  •         Não ter amamentado;
  •         Reposição hormonal pós-menopausa;
  •         Casos de câncer de mama na família;

Perceba que alguns desses fatores não são definitivos! Cerca de 30% dos casos de câncer de mama são evitados com práticas como atividades físicas e alimentação saudável. O diagnóstico precoce é essencial, é indispensável que toda mulher faça a mamografia uma vez ao ano a partir dos 40 anos. Esse exame é a única forma de detectar o câncer quando ele ainda é inferior a um centímetro, já que o nódulo ainda não pode ser tateado. Com esse tamanho, ele pode ser curado em até 95% dos casos.

Aproveite a data para se cuidar, realize seus exames e busque uma vida mais saudável, seu corpo agradece!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *